Gestão de FretesTransporte de cargas

Frete de retorno: o que é e quais as vantagens

4 minutos de leitura
Frete de retorno: o que é e quais as vantagens
Hivecloud
Escrito por:
Atualizado em 22 de novembro de 2023

Evitar prejuízos numa operação é um dos maiores objetivos de qualquer transportadora. Nesse sentido, o frete de retorno vem justamente com essa solução, uma vez que ele tem o objetivo de fazer com que qualquer veículo tenha carga para ser transportada no retorno do seu trajeto.

Se você deseja entender mais sobre esse formato, continue neste post!

    O que é e como funciona o frete de retorno?

    O frete de retorno nada mais é que a organização das rotas de entrega de maneira que o transporte faça viagens tanto de ida, quanto de volta, com carregamento. O objetivo principal dessa prática é evitar ao máximo o desperdício de dinheiro.

    Afinal, atuando dessa forma é possível ter mais produtividade, ganhos extras, além da diminuição de custos desnecessários para a empresa.

    Em meio a isso, a ANTT criou uma tabela com valores mínimos de frete.  A agência definiu que, quando não houver carga na viagem de volta, que seria a carga de retorno, o cálculo realizado do frete ainda assim deve ter incluso esse custo da volta.

    Isso porque quando esse veículo retorna para a empresa vazio, os custos com essa operação se tornam muito maiores, uma vez que é preciso realizar o pagamento de uma tarifa obrigatória. Dessa forma, a transportadora precisa custear estes prejuízos e o preço final do serviço pode ser maior para os clientes.

    Tipos de frete de retorno

    Saber o tipo de cada frete é importantíssimo para estimar o tempo e até mesmo a rentabilidade dessa demanda. Para compreender cada um deles, leia abaixo. 

    Carga fechada

    O frete de carga fechada é o mais convencional de todos, que é quando a carga do cliente ocupa todo o espaço interno do transporte. Em sua maioria não tem parada, seguindo direto para o destino estabelecido.

    Como este transporte é totalmente dedicado a um tipo de carga, é esperado que se tenha um valor atrativo. Mas, nem sempre é assim. Muitas vezes essa prática pode trazer prejuízos com volumes de cargas excessivos, além do recomendado. Isso resulta em mais gastos com combustível, além de possíveis danos ao veículo.

    Tipo dedicada

    Carga dedicada é o tipo de frete quando a mercadoria transportada é exclusiva de apenas um único cliente. É bem parecido com o modelo de carga fechada, porém este não precisa lotar o veículo.

    Carga fracionada

    No modelo de carga fracionada, as mercadorias transportadas são em sua maioria são semelhantes, mas pertencem a clientes diferentes. Por sua vez, este modelo necessita de muito mais atenção, por ter mais trabalho com várias cargas e notas diferentes. 

    Carga urgente

    A carga urgente tem um valor maior, geralmente, por ser necessário ser transportada com uma certa urgência e com todos os cuidados para que chegue em perfeito estado no seu destino.

    Vantagens do frete de retorno

    Trabalhar com essa prática de frete traz muitas vantagens, tanto para a transportadora, quanto para o condutor do veículo. Separamos aqui abaixo alguns pontos que podem ser levados em consideração. 

    • Aumento de renda extra: Trabalhando com o frete de retorno, as empresas, tanto de transporte, quanto de logística, conseguem ampliar a renda mensal e geram economia, uma vez que evitam o tráfego de caminhões vazios.
    • Produtividade maior: Mais uma vantagem do frete de retorno é o aumento de produtividade. Como nessa prática o caminhão está sempre trafegando com cargas, isso diminui o prejuízo com gasto além do normal com combustível e evita o desgaste do veículo. Além de utilizar a frota de maneira rentável. Sendo assim, os ganhos são ampliados e ainda terá um melhor aproveitamento dos veículos.
    • Operações mais ágeis: Com o frete de retorno é possível garantir mais agilidade nas operações da frota, uma vez que não precisa mais ficar com o caminhão parado esperando uma nova carga para trafegar novamente, e ainda é possível fechar com mais antecedência um frete de retorno. 
    • Facilidade em fechar novos clientes: Como os caminhões utilizados podem voltar carregados, há muita chance de outras empresas quererem contratar seus serviços.

    6 motivos para adotar o sistema de gestão de fretes na sua empresa 

    Dicas para otimizar seu frete de retorno

    Há sempre o que melhorar num processo e não seria diferente com o frete de retorno. Acompanhe, a seguir, algumas dicas de estratégias para otimizá-lo. 

    Crie parcerias

    Tente manter uma relação mais próxima com empresas de um ramo específico e que sejam de uma região que você costuma passar enquanto trafega. Sendo assim, suas chances de fechar um tipo desse frete aumentam consideravelmente quando for fazer este percurso.  

    Estude as rotas

    Sempre pesquise sobre o destino para onde a carga será levada. Faça um planejamento completo sobre a rota que será feita nesse trajeto. Dessa forma, fica muito mais fácil localizar oportunidades de frete de retorno. 

    Negocie valores

    Se você optar por fazer fretes em regiões mais distantes e até mesmo menos desenvolvidas, sempre coloque no valor do frete o custo do seu retorno. O importante é evitar prejuízos.
    Saiba como calcular o frete da sua transportadora do jeito correto 

    Otimize seu transporte de cargas! 

    Agora que você compreende o que é o frete de retorno e como essa prática pode ser rentável para sua transportadora, que tal aprender 8 Tecnologias para Otimizar o Transporte de Cargas?

    Com esse material é possível entender como as tecnologias podem aumentar a eficiência de sua transportadora.

    8 Tecnologias para Otimizar o Transporte de Cargas

    Entenda como as tecnologias podem auxiliar na eficiência de sua transportadora, numa gestão integrada, a reduzir os custos das operações e a reter seus clientes a longo prazo!

    8 Tecnologias para Otimizar o Transporte de Cargas

    *Ao inscrever-se, você aceita nossos Termos de Uso.