DistribuidoraE-commerceGestão de TransporteIndústriaTransportadora

Confira as Tecnologias de Rastreamento para o Transporte Terceirizado

7 minutos de leitura
Confira as Tecnologias de Rastreamento para o Transporte Terceirizado
Hivecloud
Escrito por:
Atualizado em 8 de junho de 2022

Índice

    Existem dois grandes problemas na gestão logística de quem trabalha com transporte terceirizado. São eles: a falta de informação sobre o posicionamento da carga e a falta de confiabilidade sobre o prazo de entrega.

    Como consequência disso, vemos uma crescente demanda por soluções de rastreamento de cargas em trânsito. Elas hoje são essenciais para garantir ganhos no processo e otimizar a cadeia de suprimentos das empresas que movimentam cargas.

    Neste artigo, selecionamos as principais tendências do mercado para o rastreamento de cargas. Confira os prós e contras de cada uma delas!

    Principais tecnologias para rastrear o transporte terceirizado:

    As tecnologias de monitoramento do transporte terceirizado estão avançando em ritmo intenso. O resultado é uma série de dispositivos de rastreamento que fazem de tudo. Alguns conseguem armazenar energia solar por cinco anos, outros são capazes de se comunicar sem intervenção humana.

    Algumas soluções ainda não estão tão inseridas na nossa realidade, como a tecnologia de rede 5G e o uso de caminhões autônomos. Porém, já existem tecnologias acessíveis que permitem às empresas  acompanharem o status de suas remessas em tempo real.

    Elas permitem gerenciar melhor o andamento das operações, além de refazer o planejamento quando necessário. Entre elas, podemos citar:

    1. GPS

    O Global Positioning System (GPS) ganhou grande uso em dispositivos de rastreamento de cargas em trânsito. O receptor GPS recebe o sinal de um sistema de satélites. A partir do cálculo do tempo entre envio e resposta, é possível determinar sua posição com uma precisão de metros.

    Essa já é uma das tecnologias de rastreamento mais usadas no mundo. Basta olhar para seu smartphone, que provavelmente contém um receptor GPS embutido. Atualmente, os modelos mais novos de veículos de carga já são produzidos com receptores GPS. Isso tem possibilitado o rastreamento preciso da carga durante a viagem.

    Mesmo quando o receptor não vem de fábrica, é possível utilizar aparelhos portáteis equipados com GPS. Uma opção é usar o smartphone do motorista, ou equipar os veículos com um receptor.  Dessa forma, os dados sobre o posicionamento podem ser enviados a uma central da transportadora ou do embarcador.

    2. Telemetria

    A telemetria é uma tecnologia de monitoramento com diversas aplicações. Ela coleta informações via rádio, infravermelho, ultrassom ou satélite. Depois envia para uma central de monitoramento as informações para uso na tomada de decisão.

    A telemetria é mais conhecida por seu uso na Fórmula 1, onde monitora o desempenho do veículo de corrida. Ela é usada de modo parecido no monitoramento do transporte de cargas. A telemetria recolhe e transmite informações sobre o desempenho do veículo de transporte, como o tempo de frenagem, a utilização da embreagem, a velocidade média, a temperatura do motor, dentre outras.

    Dessa forma, esta é uma tecnologia que tem permitido às transportadoras aumentarem a eficiência de seus veículos. Assim é possível oferecer menores preços para seus embarcadores.

    Além de seu uso no monitoramento do transporte nas estradas e na Fórmula 1, a telemetria está presente em outras atividades. Ela permite monitorar as condições climáticas em estações meteorológicas, monitorar a eficiência energética em fábricas e muito mais.

    3. RFID

    A identificação por radiofrequência (do inglês Radio Frequency ID, ou RFID) é uma tecnologia de rastreamento usada em muitos campos. As etiquetas RFID consistem em uma antena capaz de enviar e receber sinal de rádio. Além disso, contêm um pequeno chip registrando as informações de transmissão.

    O rastreamento RFID de longa distância tem natureza direcional. Isso significa que o usuário pode determinar a direção e o alcance aproximados do item rastreado.

    O RFID é um sistema parecido com o GPS, mas não fornece o mesmo tipo de precisão de localização. Essa tecnologia funciona bem no acompanhamento de itens em uma área fixa, como entre armazéns ou centros de distribuição.

    4. Sistemas de Gestão de Transporte de Carga

    Os novos sistemas de gestão para empresas embarcadoras de cargas têm trazido um novo sentido ao rastreamento de cargas. Isso porque os novos sistemas de gestão permitem acompanhar todas as etapas do serviço de transporte terceirizado. Passam desde a busca e a contratação de transportadoras, até a confirmação da entrega.

    Esses sistemas compartilham facilmente os dados sobre o transporte entre as transportadoras e seus contratantes. Também permitem o intercâmbio de informação em tempo real sobre o andamento do transporte.

    As opções mais completas ainda realizam a análise automática das informações. Isso permite conferir automaticamente se o andamento do transporte terceirizado está de acordo com o que foi planejado, e assim otimizar mais facilmente o trabalho de gestão.

    Benefícios das tecnologias de monitoramento de cargas

    O uso estratégico das novas tecnologias para o monitoramento de cargas em trânsito traz grandes benefícios para a gestão do transporte terceirizado em uma empresa.

    1. Mais eficiência, menos custos

    Acompanhar o andamento do transporte terceirizado em tempo real permite ao gestor responsável pelos transportes realizar diversos ajustes.  De acordo com as ocorrências sinalizadas, é possível antever-se a problemas que frequentes que encarecem o serviço de transporte. São exemplos as diversas alterações na rota e no prazo de entrega.

    Por meio do uso dos dados do rastreamento, o gestor também pode saber quão eficiente é cada uma das transportadoras que lhe prestam serviço de frete. Por exemplo, é possível verificar automaticamente o cumprimento de prazos e preços previamente estabelecidos. Assim é possível selecionar os melhores parceiros e otimizar o processo de entrega, aumentando a rentabilidade do setor.

    2. Maior satisfação do cliente

    Ao aumentar o controle de seu movimento de cargas, uma empresa tende a aumentar também a satisfação de seu cliente. Isso porque a confiabilidade sobre os prazos de entrega cresce.

    As tecnologias de rastreio têm permitido aos embarcadores tomar medidas preventivas e negociar com clientes sobre potenciais atrasos. Por exemplo, alterações climáticas ou fatores políticos (como a greve dos caminhoneiros em 2018) exigem arranjos na entrega.

    A satisfação com a entrega proporciona a fidelização dos clientes, além de promover recomendações para novos clientes.

    Como escolher a melhor ferramenta para monitorar o transporte terceirizado?

    Se sua empresa está buscando a melhor tecnologia para o rastreamento do transporte terceirizado, deve considerar, principalmente, suas restrições orçamentárias. Além disso, é preciso ter uma visão realista da cobertura necessária para o monitoramento.

    GPS e RFID resolvem problemas específicos

    Sistemas de rastreamento de veículos via GPS são muito utilizados para ter noção exata da localização de cargas entre origem e destino.

    A tecnologia já é bastante popular, de modo que não é difícil encontrar e instalar um GPS, nem caro.

    O gestor de logística pode dar preferência às transportadoras que oferecem a opção de rastreamento em tempo real via GPS. Também é possível solicitar a tecnologia aos parceiros atuais, para obter seus benefícios.

    Já o sistema RFID tem sido mais utilizado em regiões limitadas, como armazéns. Por não fornecer muita precisão na localização, é uma boa opção para empresas que desejam maior controle do inventário.

    Telemetria é viável para empresa que possui frota própria

    A telemetria é uma tecnologia voltada para a extração de dados sobre o transporte de carga. Por isso,  pode não ser uma opção viável para quem contrata transportadoras e não possui frota própria. Ela aumenta os custos da operação desnecessariamente.

    Já empresas com frota própria podem extrair os benefícios dessa tecnologia. Dados sobre o desempenho dos veículos e pontos possíveis de economizar.

    Transportadoras podem aproveitar a telemetria para gerar informação de qualidade sobre a carga em trânsito e, com isso, fidelizarem seus clientes.

    Utilize Sistema de monitoramento de frota e rastreamento na sua transportadora

    Acompanhe o transporte de cargas pelo sistema AR da Hivecloud, que realiza o monitoramento de frota e rastreamento das entregas, registra ocorrências via celular e digitaliza os comprovantes de recebimento.

    Com ele você também visualiza cada ocorrência registrada pelos motoristas e identifica os romaneios que foram concluídos, as entregas que sofreram devoluções e se há alguma operação atrasada e muito mais.