Gestão de Transporte

Por que terceirizar o transporte de uma empresa?

2 minutos de leitura
Por que terceirizar o transporte de uma empresa?
Hivecloud
Escrito por:
Atualizado em 10 de dezembro de 2021

Índice

    Na atualidade, a logística passa por um período de transformação. A nova exigência dos mercados de consumo, o aumento da competitividade e o desenvolvimento tecnológico têm requisitado alterações significativas na gestão das empresas.

    Como principal item no processo logístico, o transporta é a etapa que compõe o custo na maioria das operações. Ele impacta diretamente a confiança dos clientes a segurança das cargas e o tempo de entrega para consumidores finais e embarcadores.

    Uma saída para redução desses custos numa organização é a terceirização, por isso preparamos esse post para que você, prestador, fique ciente do seu papel no cenário da logística nacional seja como terceirizador ou como contratante do serviço de terceiros.

    Mas antes, o que é de fato terceirização?

    A terceirização consiste em repassar a execução de processos e transferi-los para agentes externos à organização que recebeu ou recebe os pedidos de outros contratantes.

    Ao contratar atividades terceirizadas, são levados em consideração se o prestador do serviço é especializado, experiente, se possui tecnologia nos processos e se a sua finalidade é garantir a qualidade da entrega de acordo com os requisitos do contratante.

    Quando se terceiriza o transporte os contratantes tem menos espaços vazios com relação à movimentação das cargas, reduzem-se os custos da aquisição de novos caminhões e de sua depreciação. Mas existem outros itens para se pensar, por isso listamos abaixo as vantagens e desvantagens do processo para você:

    Vantagens:

    Estrutura administrativa simplificada, uma vez que não terá de realizar registros/ demissões, pagamentos de salários, FGTS, INSS dos empregados etc; mais participação dos administradores/ gestores nas atividades-fim da empresa; concentração dos talentos no negócio principal da empresa; redução do custo de estoques; maior facilidade na gestão do pessoal e das tarefas; possibilidade de rescisão do contrato conforme as condições preestabelecidas; controle da atividade terceirizada por conta da própria empresa contratada; menores despesas com aquisição e manutenção de máquinas, aparelhos e uniformes fornecidos pela empresa contratada etc.

    Desvantagens:

    Verificar se o pessoal disponibilizado pela empresa terceirizada consta como registrado e se os direitos trabalhistas e previdenciários estão sendo pagos e respeitados; sofrer autuação do Ministério do Trabalho e ações trabalhistas em caso de inobservância das obrigações mencionadas anteriormente; fiscalização dos serviços prestados para verificar se o contrato de prestação de serviços está sendo cumprido integralmente, conforme o acordado; risco de contratação de empresa não qualificada etc.

    Outro fator de otimização dos gastos é no uso de softwares de gerenciamento de operações. Uma empresa que terceiriza consegue diluir melhor os custos da aquisição de software entre seus clientes, enquanto uma com logística própria teria que arcar com tudo por conta própria.

    O mercado já conta atualmente com plataformas custo/benefício para todos os dois cenários, como a Hivecloud, que adequa os custos de aquisição às necessidades das empresas concentrando em passos simples todas as operações e etapas, sejam na emissão dos documentos fiscais como no acompanhamento de entregas e prazos no dia a dia.