Transportadora

Como uma transportadora pode vender fretes pelo WhatsApp

4 minutos de leitura
Como uma transportadora pode vender fretes pelo WhatsApp
Daniel Brasil
Escrito por:
Atualizado em 15 de março de 2021

Índice

    Se uma transportadora usa o WhatsApp apenas para comunicação interna é provável que esteja perdendo dezenas de oportunidades de negócios. O aplicativo, de propriedade do Facebook, é o mais popular entre os brasileiros. Segundo pesquisas, o WhatsApp está instalado em 99% dos smartphones do país.

    No mundo todo, mais de 1,6 bilhões de pessoas usam esse aplicativo de mensagens para se comunicar com amigos, parentes e também para vender produtos e serviços. Logo, é um método que serve tanto para um pequeno empreendedor quanto para uma transportadora.

    Hoje, para as empresas, é muito mais fácil e menos custoso se conectar a clientes em potencial por meio do WhatsApp. Além disso, se este é o canal de comunicação favorito das pessoas, é muito importante que qualquer empreendimento tenha uma estratégia voltada para o aplicativo.

    Abaixo, em destaque, estão algumas maneiras de como uma transportadora pode começar seu processo de venda pelo WhatsApp. Acompanhe!

    1. Conta no WhatsApp Business

    A primeira ação a ser tomada pelas transportadoras que desejam ofertar serviços de frete é a criação de uma conta no WhatsApp Business.

    Para quem desconhece, essa é a versão do aplicativo de mensagens voltada para empreendedores, sobretudo os de pequeno porte.

    Ele tem todas as funções da versão disponível para o grande público, mas apresenta benefícios para quem deseja usá-lo profissionalmente. No WhatsApp Business, por exemplo, é possível fazer um perfil comercial. 

    Nessa opção, a transportadora pode incluir dados como endereço (com direito ao mapa), horário de atendimento, site, e-mail, entre outras informações.

    Se o preenchimento do perfil estiver correto, o WhatsApp consegue verificar a conta. Dessa forma, está comprovado que se trata de um negócio legal, e não uma fraude.

    A verificação é muito importante para quem deseja vender pelo aplicativo. Afinal, transmite mais confiança para a pessoa que está interessada em contratar o serviço de frete.

    2. Criação de catálogos

    Um dos benefícios do WhatsApp Business para as transportadoras é a criação de catálogos no aplicativo. Esse atributo é muito interessante por diversas razões.

    Primeiro, porque o cliente tem a chance, por exemplo, de analisar os tipos de caminhões e serviços disponíveis para o frete. Assim, é mais simples escolher um de acordo com a necessidade dele.

    Segundo, porque economiza o tempo da transportadora. Em vez de repetir, para diversos clientes, a mesma informação, basta que ela envie o catálogo para que eles possam escolher com muito mais calma o serviço que desejam contratar.

    Por último, o catálogo é uma excelente ferramenta de vendas. Afinal, além de apresentar diversas informações ao cliente, ele pode ser compartilhado facilmente pelo WhatsApp.

    Assim, se o cliente gostar das opções da transportadora, ele pode enviar o catálogo para outras pessoas que também estejam interessadas no serviço de transporte.

    3. Lista de transmissão do WhatsApp

    É muito comum, sobretudo para pessoas que utilizam o WhatsApp apenas para se comunicar com amigos e familiares, participar de grupos no aplicativo.

    Por outro lado, se uma transportadora quer vender o serviço de frete para seus clientes, essa solução não é a indicada. O melhor a ser feito é criar uma lista de transmissão no WhatsApp Business.

    A maneira como ela funciona é muito simples. Se uma transportadora, por exemplo, tem os contatos de diversos clientes ou pessoas interessadas em contratar um frete, ela pode adicioná-los em uma lista. O máximo de contatos em cada uma delas é de 256 números, mas o WhatsApp permite a criação de inúmeras listas.

    Dessa forma, caso a transportadora tenha uma oferta especial de frete e deseja compartilhar com seus contatos, basta enviar esse conteúdo para a lista de transmissão.

    Assim, em vez de todos receberem a informação ao mesmo tempo, como nos grupos, cada um desses contatos recebe a mensagem de forma individual.

    Nesse sentido, a lista de transmissão consegue personalizar a relação com o cliente, o que é um facilitador para o processo de venda.

    4. Capacitação de leads por CRM

    Para as empresas que desejam conquistar clientes de forma mais rápida, é recomendado a contratação de um serviço de CRM. Por meio desse software, é possível realizar a integração com o WhatsApp Business e, dessa forma, captar novos leads, isto é, clientes em potencial.

    Então após o aplicativo ser integrado ao CRM, a atração de leads ocorre de forma automática. Afinal, sempre que uma pessoa enviar uma mensagem pelo WhatsApp, ela é automaticamente cadastrada como um novo cliente em potencial no banco de dados.

    Dessa forma, os vendedores têm à disposição informações básicas para a prospecção, além de ter acesso a todo histórico da jornada de compra do cliente. O que inclui ainda a visualização do estágio de cada um no funil de vendas da transportadora.

    5. Conteúdo

    Vender pelo WhatsApp não significa enviar para a lista de transmissão informações sobre o menor preço ou promoções especiais. A venda, em qualquer segmento, tem início por meio de um bom relacionamento.

    Por isso, para uma transportadora que deseja vender seus serviços de frete, é possível explorar outras metodologias, como a produção de conteúdo.

    É muito indicado, por exemplo, compartilhar textos de blogs, depoimentos de clientes satisfeitos, vídeos sobre o dia a dia da transportadora, e muito mais.

    O ideal é usar a criatividade e aproveitar todas as possibilidades multimídias que o WhatsApp Business oferece, e assim encantar o maior número de clientes possível.

    Esse artigo é um guest post produzido pela amoCRM.

    Índice

      Artigos relacionados

      Saiba o que é DACTe e quem deve usar esse documento
      CTe

      Saiba o que é DACTe e quem deve usar esse documento

      Ler conteúdo
      5 indicadores de desempenho (KPIs) para sua gestão logística
      Gestão de Transporte

      5 indicadores de desempenho (KPIs) para sua gestão logística

      Ler conteúdo
      Coronavírus na logística: expectativas para o futuro
      Distribuidora

      Coronavírus na logística: expectativas para o futuro

      Ler conteúdo
      Entenda o conceito de Cross Docking e como implantar no seu negócio
      Distribuidora

      Entenda o conceito de Cross Docking e como implantar no seu negócio

      Ler conteúdo