DistribuidoraE-commerceGestão de TransporteIndústriaLogísticaTransportadora

Conheça os principais softwares de gestão logística

3 minutos de leitura
Conheça os principais softwares de gestão logística
Daniel Brasil
Escrito por:
Atualizado em 17 de março de 2021

Índice

    Atualmente, as ferramentas tecnológicas de gestão logística vêm oferecendo ganho de tempo e produtividade às empresas transportadoras de cargas. Dessa forma, são aliadas estratégicas para a otimização da operação de transporte e armazenamento, entre outras funções da atividade.

    Pensando nisso, listamos aqui os principais softwares de gestão logística que possuem excelentes resultados para seu gerenciamento de transporte. Confira!

    Sistema de Gestão de Transporte — TMS

    Sistema de Gerenciamento de Transporte (TMS) é como é chamado um dos principais softwares de gestão logística. Em geral, um bom TMS ajuda a transportadora a fazer o gerenciamento completo dos seus fretes.

    Isso acontece porque o sistema TMS é capaz de apresentar uma visão completa com o status de cada mercadoria dos seus clientes e oferecer o monitoramento de cada frete.

    Além disso, é possível emitir documentos fiscais de transporte como CTe e MDFe, gerenciar a frota de veículos e ainda exportar relatórios de desempenho.

    Com todos os dados centralizados no TMS fica muito mais fácil e seguro controlar as operações, uma vez que todas as informações ficam salvas na nuvem e você pode acessar a plataforma de qualquer lugar.

    Sistema de Gestão de Armazéns — WMS

    Um sistema de gerenciamento de armazém é um outro software de gestão logística. Do inglês Warehouse Management System, o WMS é um sistema que suporta as operações de rotina de um armazém.

    Ele promove o gerenciamento centralizado de tarefas, tais como níveis de inventário de monitoramento e ações locais. O WMS pode ser uma aplicação só ou parte de um Enterprise Resource Planning (ERP), sistema integrado de gestão empresarial.

    Entre as funcionalidades do WMS, destacam-se as seguintes:

    • Planejamento e alocação de recursos;
    • Controle de portaria;
    • Recebimento e inspeção de cargas;
    • Definição de endereçamento dos produtos;
    • Estocagem;
    • Separação de pedidos (picking);
    • Embalagem;
    • Carregamento;
    • Expedição;
    • Emissão de documentos;
    • Inventário;
    • Definição e controle de rotas de coleta.

    O valor gerado por uma solução de WMS pode ser resumido nos seguintes benefícios:

    • Otimização das atividades operacionais (fluxo de materiais) e administrativas (fluxo de informações);
    • Redução de custos;
    • Melhorias no nível de serviço e nos indicadores de desempenho;
    • Fornecimento de dados para a tomada de decisão.

    Sistema de monitoramento de entregas

    Ferramentas de monitoramento de entregas auxiliam na excelência do serviço, melhorando a produtividade e a confiabilidade.

    São aplicações com as quais os transportadores conseguem visualizar os embarques e entregas e buscar informações por meio de códigos de barras em documentos fiscais.

    Além disso, é possível confirmar a entrega fotografando, produzindo áudio ou fazendo um check-in via GPS no local em que a carga é entregue. Todos esses materiais também podem ser enviados aos gestores via SMS.

    Logo, a própria transportadora consegue se comunicar, notificando o motorista durante a viagem, melhorando o controle da operação e facilitando a tomada de decisões.

    Sistema de Roteirização

    Também conhecidos como roteirizadores, os sistemas de roteirização são ferramentas que ajudam no planejamento da operação de transporte e distribuição de cargas.

    Entre as principais funcionalidades de um bom sistema de roteirização, estão:

    • Definição exata das rotas;
    • Programação de veículos considerando o volume das entregas e as rotas percorridas;
    • Determinação prévia do tamanho da frota;
    • Definição da jornada dos motoristas.

    Com o roteirizador é possível planejar a sequência de locais onde as entregas devem ser feitas, considerando a localização geográfica e as condições de viagem. Dessa forma, é possível também planejar o carregamento da carga, prever consumo de combustível, entre outros benefícios.

    Sistema de gestão de frotas

    Toda a rotina de administração de frotas pode ser automatizada por meio de um sistema de gestão de frotas. Com ele, é possível controlar perícias técnicas, manutenções, controlar escalas de condutores, consumo de combustível, etc.

    Um bom sistema de gestão de frotas dá mais qualidade e agilidade ao fluxo de informações que giram em torno da operação de veículos. Ele também ajuda na redução da quantidade de papéis necessários e dá mais poder de decisão aos gestores. Em poucos cliques é possível fazer escalas, retirar relatórios e otimizar a utilização da frota.

    Comece agora a melhorar a gestão logística da sua transportadora: conheça 8 Tecnologias para Otimizar o Transporte de Cargas baixando nosso infográfico gratuito!

    Índice

      Artigos relacionados

      Infográfico – O Setor de Transportes de Cargas em números
      Transportadora

      Infográfico – O Setor de Transportes de Cargas em números

      Ler conteúdo
      3 ferramentas para calcular pedágio de frete corretamente [planilha grátis]
      Tabela de Frete

      3 ferramentas para calcular pedágio de frete corretamente [planilha grátis]

      Ler conteúdo
      Entregas fora do prazo: saiba como resolver esse problema para seu cliente
      Gestão de Transporte

      Entregas fora do prazo: saiba como resolver esse problema para seu cliente

      Ler conteúdo
      3 detalhes que podem aumentar a taxa de lucro da sua transportadora
      Transportadora

      3 detalhes que podem aumentar a taxa de lucro da sua transportadora

      Ler conteúdo