Blog hivecloud

Calcular frete de transportadora usando ferramentas gratuitas

Calcular frete de transportadora usando ferramentas gratuitas

(atualizado em 27 de julho de 2020, às 5:52 pm)

Índice

O transporte de cargas é primordial para empresas que dependem desse setor, cujo valor ocupa grande parte dos custos logísticos. Por isso, calcular o frete de uma transportadora é uma tarefa que precisa de atenção, pois impacta financeiramente os embarcadores e as próprias transportadoras.

Mas como saber se o cálculo de frete que você faz está considerando todas as variáveis que envolvem o seu serviço de transporte? Ou como saber se a transportadora está oferecendo um preço que condiz com o transporte da sua mercadoria?

Através deste artigo, vamos esclarecer como se faz o cálculo de frete corretamente e apresentaremos uma ferramenta que gera o cálculo automático, o que facilita a rotina de transportadoras e de embarcadores que dependem do serviço de transporte.

Tire o cálculo de frete da sua cabeça

Antes de mostrar como se faz uma tabela de frete, precisamos falar sobre um assunto que ainda é bastante comum em transportadoras brasileiras: entregar o valor de frete ao cliente a partir de um cálculo feito apenas “de cabeça”.

Mesmo que você tenha anos de experiência no setor e lide com valores diariamente, calcular um serviço de frete de transportadora sem utilizar ao menos uma planilha Excel traz prejuízos que vão além dos erros de cálculos. 

Fora as possíveis perdas de lucro que sua transportadora pode ter ao não considerar taxas que são responsabilidade da sua empresa, entregar um valor de frete ao cliente sem detalhes e fora de um documento organizado dificulta o trabalho do embarcador.

Isso porque ele lida com procedimentos padronizados para contratar e pagar um frete, que necessita de um padrão nas documentações para fazer consultas rápidas e ter um bom planejamento logístico.

Infelizmente, muitas transportadoras estão perdendo espaço no mercado ao falhar em um procedimento simples durante a negociação com o embarcador.

Por outro lado, as transportadoras que entregam uma proposta de transporte organizada crescem com vantagens para si e para os clientes.

Entenda que a tabela de frete é essencial para ajudar transportadoras a definirem facilmente o preço de cada frete, considerando todas as taxas e as necessidades da mercadoria do cliente.

O que deve conter em uma tabela de frete de transportadora

É claro que o gestor de transporte avalia quais são os seus critérios para chegar ao valor final de um serviço de frete. Mas é importante considerar algumas variáveis primordiais na hora de calcular o frete em sua transportadora e assim montar uma tabela. Vamos conferir abaixo alguns exemplos importantes.

  • Quilometragem rodada: essa é uma das principais variáveis e que não pode faltar numa tabela de frete. Quanto maior a distância entre o ponto de coleta e o ponto de entrega, maior será também o consumo de combustível dos veículos.
  • Valor da mercadoria: quando destacamos aqui o valor da mercadoria, nos referimos ao valor da nota fiscal (NF). É sempre bom estar atento a isso, pois se os itens da NF são considerados valiosos, podem necessitar cuidados específicos que implicam no gerenciamento de riscos.
  • Peso cubado: essa variável considera o peso e o volume da carga na hora de montar o embarque. Diferente do que ocorre em uma carga lotação, onde a mercadoria é de apenas um cliente e ocupa maior parte ou todo o espaço do veículo, a carga do tipo fracionada tem uma medição mais complexa. Isso porque o custo total do transporte é dividido de forma justa pelos clientes embarcadores, de acordo com o espaço que as suas mercadorias ocupam.
  • Veículo do transporte: o tipo e o tamanho do veículo também impactam no valor do frete, já que cada modelo de veículo tem determinados custos que devem ser considerados.

Considere a taxa mais relevante

Vale ressaltar que, dependendo da mercadoria transportada, uma ou outra variável torna-se a principal influenciadora no valor do frete.

Por exemplo, se uma empresa de transporte trabalha apenas com um tipo de carga, como grãos em carga lotação, a quilometragem rodada poderá ser a variável mais relevante.

Já o peso cubado pode ser a variável de mais impacto em uma carga fracionada, considerando que o peso e o volume vão determinar o quanto de mercadoria poderá ser transportada em cada viagem.

Taxas extras da tabela de frete

Além das variáveis citadas acima, existem taxas extras que podem surgir durante o transporte da mercadoria. Por esse motivo, tanto a transportadora quanto o embarcador devem estar atentos a isso durante a negociação.

Assim, é definido o responsável pelo pagamento das taxas e não há desentendimento na necessidade de se pagar uma taxa extra. As mais comuns são:

  • Taxas para dificuldade de entrega;
  • Taxas relacionadas ao seguro da carga;
  • Taxa de reentrega; e
  • Recolhimento do ICMS.

Tabela de frete mínimo da ANTT

Não poderíamos deixar de mencionar a tabela de frete mínimo da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), documento oficial de uso obrigatório que estabelece preços mínimos para realizar o serviço de frete.

A tabela, que surgiu após a paralisação dos caminhoneiros do Brasil em 2018, visa garantir mais estabilidade financeira na negociação do serviço de frete. Isso vale tanto para transportadoras (ETC) quanto para transportadores autônomos (TAC).

Com o CIOT (Código Identificador da Operação de Transporte) identificado no DAMDFe (Documento Auxiliar do Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais), o fiscal acessa o sistema da ANTT e confere se o valor cobrado condiz com a tabela.

Portanto, é obrigação de todo transportador considerar a tabela de frete ANTT. Sem ela, a empresa estará sujeita à fiscalização em qualquer posto rodoviário do Brasil e, em caso irregularidade, levará penalização com multa.

Criando uma tabela de frete

Após levantar as principais variáveis usadas para calcular o frete de transportadora, é necessário juntar todas essas informações que irão compor o preço do serviço e assim, montar de vez uma tabela de frete. Liste as informações abaixo:

  • Todos os locais de origem e de entrega atendidos;
  • Os veículos usados nas operações; e
  • Os prazos oferecidos pela transportadora para as viagens realizadas. 

Até aqui, parece ser trabalhoso criar uma tabela de frete. Porém, você verá no dia a dia todos os benefícios dessa ferramenta, como economia de tempo, aumento do seu lucro e menos erros de cálculo.

Para facilitar ainda mais, você pode fazer o download gratuito do nosso modelo de Tabela de Frete. Basta você seguir o modelo e colocar as informações da sua transportadora.

Com essa tabela, a rotina em sua empresa se torna muito mais ágil. Você consegue atender mais clientes e apresentar sua proposta de serviço em um documento profissional.

Download modelo da tabela de frete

Agora, se você deseja vender mais fretes pela internet e colocar sua tabela online para receber cotações de embarcadores de todo Brasil, vamos te mostrar outra ferramenta bastante útil.

Ferramenta online para calcular frete de transportadora

A cada ano, o setor logístico tem conhecido os benefícios das ferramentas digitais. Da mesma forma que os embarcadores buscam transportadoras online para fechar fretes mais rápido, as empresas de transporte percebem essa demanda e conquistam mais espaço no digital.

Plataformas como o Fretelink têm ajudado embarcadores a encontrar transportadoras de todo Brasil para contratar o serviço de transporte ideal para sua carga. Como? Através do cálculo automático de frete.

Para isso, a transportadora deve ter uma conta no Fretelink que lhe permitirá inserir sua tabela de frete no sistema online. Logo depois, o embarcador consegue acessar a página da empresa de transporte para fazer automaticamente quantas simulações quiser de frete.

Olha só como é fácil:

Página da transportadora no Fretelink

1. A transportadora cria sua conta no Fretelink para cadastrar sua tabela de frete e ter uma página exclusiva de cotações automáticas.
2. O embarcador entra no site do Fretelink e acessa sua página no portal.
3. Ele informa os dados da mercadoria e do transporte, como CEP de embarque e desembarque.
4. O valor do frete com a transportadora é calculado automaticamente pelo sistema e aparece no mesmo instante.
5. O embarcador sabe quanto custará o frete na hora e entra em contato com a transportadora pelos meios de comunicação visíveis na página.
6. A transportadora poderá negociar privadamente com o embarcador e discutir mais detalhes sobre o contrato.
7. Por fim, o fechamento do frete acontece rapidamente, sem os altos custos de prospecção com o vendedor porta a porta.

São mais de 50 mil acessos de pessoas realizando cotações online para contratar uma transportadora como a sua!

Vantagens da tabela de frete online

O Fretelink só traz benefícios para ambos os lados, embarcadores e transportadoras.

  • Embarcadores de todo o Brasil podem realizar cotações rápidas com transportadoras de todo o Brasil.
  • Vários embarcadores podem realizar cotações de frete simultâneas com sua transportadora, sem precisar do esforço da sua equipe para encaminhar cada proposta;
  • Há redução de custo na prospecção de um cliente embarcador, já que ele poderá acessar a página da transportadora no Fretelink pela internet, fazendo isso por conta própria sempre que precisar de um novo frete;
  • O tempo para fechar um frete é mais rápido, já que pela cotação automática o embarcador tem as informações que precisa, de maneira que ele entre em contato com a transportadora próximo de contratar o serviço;
  • A cotação online torna-se mais um diferencial para a transportadora que deseja se destacar no mercado, sendo mais um canal de vendas para atrair novos clientes que o vendedor porta a porta não consegue atingir muitas vezes.

Não tem como fugir: a digitalização já é uma realidade no setor logístico do Brasil e mais cedo ou mais tarde, todos os negócios, embarcadores e transportadoras, precisarão migrar para o meio digital.

Todo mês, são mais de 100 mil buscas no Google por “cálculo de frete”.

A diferença é que, quem conquista o seu espaço nas plataformas online e usa as ferramentas digitais desde agora, já sai na frente no mercado e tem muito mais oportunidades de negócio.

Então, aprendeu a calcular o frete da sua transportadora da forma correta e quer fechar mais fretes sem muito esforço? Faça seu cadastro no Fretelink e aproveite todas as vantagens da maior plataforma de fretes do Brasil!

Fretelink frete de transportadora online

Conteúdo relacionado